CRISE CHEGOU ATÉ NO REI? Prefeitura pede penhora de bens de Roberto Carlos por dívida





Um imóvel no Cambuci, em São Paulo, comprado por Roberto Carlos em 2005 e cedido a Ed Carlos, um fã que havia criado ali, anos antes, um restaurante dedicado ao cantor e à Jovem Guarda, e decorado com fotos de sua carreira, o Ed Carnes, está dando dor de cabeça ao "rei". A Prefeitura de São Paulo pediu a penhora dos bens de Roberto Carlos por causa de uma dívida de IPTU. Por meio de sua assessoria, Roberto Carlos diz que a dívida é do "inquilino" - que, no entanto, é dispensado de pagar aluguel.

Em nota, a Prefeitura informa que se trata de execução fiscal, ajuizada em 2019, contra Roberto Carlos Braga, por falta de pagamento do IPTU de 2018 de imóvel de sua propriedade. Em março deste ano, o processo foi suspenso quando o músico informou que havia parcelado o débito. Mas esse acordo de parcelamento foi rompido por falta de pagamento. "Consequentemente, a Municipalidade pediu a retomada do processo, com penhora dos bens necessários ao pagamento. Este pedido ainda não foi apreciado pelo Poder Judiciário. O débito, entretanto, pode ser regularizado a qualquer tempo, por pagamento integral ou novo parcelamento, já havendo notícia de que há uma proposta de pré-acordo de parcelamento, feita pelo interessado, ainda não concretizada", diz a nota enviada pela Prefeitura nesta manhã.


Por meio de sua assessoria de imprensa, Roberto Carlos informou, também na manhã desta terça, 10, que Vânia, mulher de Ed Carlos, parcelou novamente a dívida e pagou a primeira parcela na segunda-feira, 9. Até o momento, a Prefeitura não confirmou ao Estado o pagamento desta prestação.

"A assessoria do artista Roberto Carlos vem esclarecer que o imóvel localizado em São Paulo capital, que foi noticiado ontem nos veículos de comunicação, com penhora, por falta de pagamento de IPTU, de fato pertence ao artista, e que foi gentilmente cedido ao amigo Ed Carlos, sem nenhuma cobrança de aluguel. Ficando combinado entre as partes que as despesas de IPTU, luz, água e gás são de responsabilidade do morador, assim como sempre honrou os pagamentos de todas as taxas, durante todo o tempo que ocupa o imóvel. O valor devido do IPTU em questão foi devidamente parcelado e teve a sua primeira parcela quitada ontem pela sra. Vânia, esposa do Ed Carlos", diz a nota.


Fonte: terra
Repórter: Odinei Padilha 



o site oncanews.tv.br não vai parar de continuar investigando tudo, e publicando suas matérias sem medo de censura de certos políticos, do que quem faz algum dano errado, vamos mostrar, está com certeza mostra agora mesmo como mostra a realidade dos fatos. Aqui fica a nossa indignação ainda de pessoas que dizem ser jornalista e não nos mostram.
No (  GVC  ) Grupo Virgulino de Comunicação Resguardamos Todos os Nomes de Fontes Sobre Sigilo Absoluto, Assumindo uma Responsabilidade até Sob o STF, Comparado Nenhum Código Ético dos Jornalistas que Fixa relações com a comunidade, como fontes de informação e entre jornalistas. Do direito à informação.
O site oncanews.tv.br não possui nenhum vínculo político, portal ou até mesmo família com portaria na federação, nós temos o site estamos a disposição da população sem rabo preso com ninguém, sem medo de falar a verdade que os leitores querem saber.


Redação fazer "GVC" GRUPO VIRGULINO DE COMUNICAÇÃO
Matriz cascavel, filial em Toledo e Foz do Iguaçu Paraná. E em RONDÔNIA Vilhena, Cacoal, Rolim de Moura, Alta Floresta e Nova Brasilândia em breve em mais municípios.
FONE e WhatsApp    45 99906-3411 Paraná   984593526 Rondônia  
Revista Viva Com Mais SAÚDE 
 Revista  O Agronegócio em EVIDÊNCIA  
 Revista MODELLO
 Jornal Impresso  Onça News Agência de notícias oncanews.tv.br Agência de publicidade V ' news 


Estúdio  
TV LAMPIÃO 
- EDITORA e sócio do GVC Dra. Luciana S.
- EDITORA e Sócio do GVC Dra. Lucineia SS
- JORNALISTA E DIRETOR DO GVC ROBERTO VIRGULINO  DRT 0011657 / PR
- JORNALISTA  Odinei Padilha responsável do grupo no Paraná.

Em breve Rádio online  "RÁDIO LAMPIÃO"  para toda Rondônia.